Sobre Orkut, Casamentos no Facebook e Brincadeiras de Criança

Estou meio desanimado com a Internet ultimamente, não sei se é porque a qualidade da Internet caiu ou se devido a Internet as pessoas acabaram ficando mais inúteis. Não posso negar que a Internet é a melhor ferramenta para conversar com amigos (já pensou se você ainda precisasse usar um telégrafro pra conversar com seus amigos?!) e para pesquisas, coisa que poderia aumentar os conhecimentos do ser humano, mas não é isso que eu estou vendo.

Aaahhh, o Orkut
Acho que tudo começou com o já clássico da Internet, o Orkut, era até legal, até começar a popularização das Lan Houses nas favelas, aí o até então grande e bom Orkut acabou sendo tomado por favelados que não sabiam nem o que estavam fazendo (Obs: Nem todo mundo que mora na favela é favelado, pesquisem! Eu moro na favela e não sou favelado... Eu acho...). Bem, pelo menos no Orkut as pessoas não eram tão mentirosas, algo que está acontecendo com o já chato Facebook.

A popularização do Facebook até que foi legal por um lado, mas por outro lado foi ruim, porque era óbvio que cedo ou tarde a galera da favela não iria querer ficar pra trás e iriam migrar para o Facebook, daí o termo que já conhecemos hoje "Orkutizaram o Facebook".

Daí virou bagunça, solicitação de aplicativos e/ou jogos, "Matheuzinho Bombado convidou você para o Evento CHURUME CABULOSO - A FESTA, homens R$10,00 e Damas grátis a noite inteira, OPEN BAR", trabalha na empresa VASP, Humor no Face e afins, entre outros. Mas algo que tá me enchendo o saco no Facebook recentemente são os status de relacionamento, sim, estou me referindo aos "casamentos".

Isso é um casamento de verdade, porra!
Já disse que no Orkut pelo menos as pessoas não eram tão mentirosas, o status de relacionamento do Orkut era simples e na maioria das vezes bem sincero, agora no Facebook todo mundo resolveu se casar, todo dia eu vejo la que alguém se casou com alguém, mas isso é mentira e palhaçada, porque na maioria das vezes os falsos casados do Facebook nunca deram nem uns "pegas" sequer na vida real, o que faz isso ser apenas um status babaca e sem objetivo nenhum.

Imagine se duas pessoas recém-casadas na vida real, no civil e no religioso, mentissem e trocassem no dia seguinte o status de relacionamento do Facebook delas de "Noivo(a)" para "Solteiro(a)", só de sacanagem, esse lance atual de casamentos no Facebook é a mesma coisa, só que ao contrário, ser solteiro(a) é uma drogra, eu sei, mas colocar "casado(a)" no Facebook não irá aumentar sua auto-estima, muito pelo contrário, fazendo isso você estará se prendendo cada vez mais ao mundo da solteirice, porque o seu ou a sua pretendente não irá querer nada com você, ou porque ele/ela acha que você se casou (acho difícil essa hipótese), ou porque ele/ela acha que você é uma pessoa infantil ou babaca por colocar "Casado(a)" no Facebook, mas reparei bem nisso e percebi algo que fez essa babaquice de casamentos no Facebook fazer um pouco de sentido sobre o por quê de estarem fazendo isso agora.

Percebi que 90% das pessoas que colocam um falso casamento no status de relacionamento do Facebook são menores de 15 anos, então cheguei a conclusão de que esse negócio não foi culpa da "Orkutização", e sim um termo que posso chamar de "Infantilização" do Facebook, e que esse lance de casamentos no Facebook é a evolução da brincadeira de mamãe e papai que você, se tiver mais de 17 anos, com certeza já brincou quando era criança, principalmente se você for uma garota.

Brincadeira de mamãe e papai pra quem não sabe era uma brincadeira onde as garotas pegavam os seus bebês de brinquedo e fingiam ser mamães, e elas tentavam de tudo para chamar um garoto na brincadeira para fazer o papel de papai, e mesmo que o garoto dizia que não, porque isso era brincadeira de menina, algumas vezes ele aceitava brincar também, isso tudo é claro, na mais completa inocência, a garota não tinha interesse no garoto por causa disso e vice-versa, porque afinal, eram duas crianças (Obs²: e essa brincadeira de mamãe e papai não tem ligação com a posição sexual papai-mamãe u.u).

Então eu acho que o Facebook poderia criar dois sistemas para melhorá-lo: O primeiro seria aceitar o cadastro de pessoas maiores de 16 anos, e precisaria colocar o n° da Identidade para confirmar a data de nascimento. O segundo seria exigir uma imagem scaneada da certidão de casamento do casal antes de mudar o status de relacionamento para casados.

É claro que isso não irá acontecer, e a nossa Internet vai acabar ficando cada vez mais inutil, eu particularmente só estou usando a Internet hoje em dia para postar no Blog, baixar filmes e ver alguns videos no Youtube, tirando isso, perdi a vontade de usar a Internet, principalmente redes sociais, pois a falsidade e chatice das pessoas atualmente chegou num patamar onde é mais fácil se afastar das pessoas do que entendê-las.

Comentários

  1. vamos fazer um grupo de auto ajuda profissional..

    ResponderExcluir
  2. Por essas e outras que eu preferia que o mundo tivesse acabado em 2012....

    ResponderExcluir

Postar um comentário